A gente não sabe nunca ao certo onde colocar o desejo…

A frase acima é da música “Pecado original”, de Caetano Veloso, e eu acho que ela se aplica perfeitamente ao tema do post de hoje: escapamentos.
Quem de nós nunca precisou parar uma conversa porque o som de um escapamento furioso ensurdeceu os que tentavam escutar a voz humana que falava?
Embora ônibus e caminhões também às vezes ultrapassem o limite do bom senso sonoro, carros e motos são os principais vilões nessa história. Aliás, os verdadeiros vilões são os donos de carros e motos.
Enquanto a indústria procura fazer veículos cada vez mais silenciosos – pelo menos é o que eles dizem – alguns motoristas e motoqueiros parecem nunca se satisfazer em ir de um lugar ao outro sem fazer com que todos saibam que eles estão passando. E aí valem todos os truques que são sobejamente conhecidos dos barulhentos de plantão: eliminar o silenciador, “abrir o escapamento” (seja o que isso for), trocar o escapamento original por um “esportivo” (idem)…
O Código de Trânsito prevê punições:

Art. 230. Conduzir o veículo:
VII – com a cor ou característica alterada;
XI – com descarga livre ou silenciador de motor de explosão defeituoso, deficiente ou inoperante;
Infração – grave;
Penalidade – multa;
Medida administrativa – retenção do veículo para regularização;
Valor – R$127,69 (cada uma)

O problema é que as leis existem mas não existem muitos mecanismos que façam com que elas sejam cumpridas… Pelo menos enquanto o Brasil continuar sendo um país tão despreocupado com os níveis de poluição sonora.
Do meu ponto de vista, estas adequações no carro ou na moto não têm como objetivo único fazer barulho: todos querem dar a impressão de mais potência no motor do que o veículo de fato tem.
E aí, meus caros barulhentos, não precisa ser Freud para perceber que vocês estão transferindo a potência para o lugar errado… Ou, como diria Caetano Veloso, estão provando que a gente não sabe nunca ao certo onde colocar o desejo

  4 comments

  1. Anonymous   •  

    Eu havia pensado desde quando comecei a ler justamente o que você disse no último parágrafo. A coisa é muito mais complexa!

  2. Monica   •  

    Olha Ana, só andando de capa-cete rs

  3. Dannilo   •  

    Tinha que ser a gentalha de novo…rs

    Saudades de ler posts aqui!! uhuuuu!!!

    Um beijo! =)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *